sábado, março 19, 2011

Jefferson Stecca-Hospitalhaço Super-Omi


O motivo pelo qual escolhi ser um Hopitalhaço eu disse no primeiro encontro entre voluntários,"eu sou palhaço desde criança", daí para me tornar um voluntário hospitalhaço foram apenas duas experiênçias:
A primeira experiência foi como acompanhante de paciente. Estava visitando meu avô e vi alguns voluntários atuando no Hospital Mario Gatti e a única coisa que conseguiram tirar de mim foi um sorriso no momento mais triste da minha vida.
A segunda experiênçia foi como paciente, 4 meses após o falecimento do meu avô, tive uma fratura grave na perna, fiquei internado no Hospital Mario Gatti e também recebi a visita dos hospitalhaços. Após aquele dia prometi a mim mesmo que seria um daqueles seres vestidos de palhaços que são tão especiais!
Hoje como voluntário olho por tudo o que passei e agradeço a Deus por ter colocado aqueles homens e mulheres vestidos de palhaços no meu caminho. Graças a eles hoje eu posso entrar nos leitos e ver os sorrisos mágicos das crianças, o olhar carinhoso dos idosos e a atenção preciosa dos adultos e profissionais da saúde.
E o momento mais marcante do Super-Omi foi quando entrei na pediatria e dois pequenos pacientes choravam enquanto faziam inalação, e ao me ver ambos pararam e ficaram olhando fixamente pra mim, as mães dos bebês falaram "Eles não paravam de chorar, só voce conseguiu isso ".Trazer um pouco de alegria para aqueles bebês me mostrou que o nosso papel é simplesmente perfeito!
Ser Hospitalhaço é doar todo o nosso lado mais puro em prol daqueles que estão precisando de carinho e alegria !....Palhaço Super-Omi

Um comentário:

  1. Dra. Bellezzuleza12 de abril de 2011 16:35

    Super-Omi, você nos emociona com esse belo conto. Parabéns!

    ResponderExcluir